Recordações

Tenho mais memória que você,
lembro dos bons momentos,
de cada detalhe,
cada folha de árvore que caiu eu me recordo.

Lembro de cada olhar tímido que você me deu
e de cada falha da sua voz por ansiedade,
lembro até dos momentos de silencio,
por culpa do nervosismo de estar na minha presença que te fiz passar.

Lembro de todas as palavras sinceras que me disse quando estava apaixonada,
e de todas as críticas que me confidenciou entre berros quando estava com raiva…
Também me recordo da inveja de quem nos cercava e de tudo que faziam pra você deixar  de me amar,
mas percebi no passado recente que você não foi capaz de ouvir uma só palavra dessa gente…

Mas o que mais gosto de recordar não é seu beijo quente e molhado,
seu abraço acolhedor, suas palavras curtas e diretas,
ou a sua falta de ética em me dizer a verdade.

O que mais me agrada recordar é o dia que te encontrei pela primeira vez,
quando meu coração acelerou e suei de nervoso por estar na sua frente,
e descobri pela primeira vez na vida que me apaixonei perdidamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.