A porta da tortura

shot_to_death_at_school___by_anniika.jpg

Porque me persegue?
O que fiz pra que perturbe meu sono?
Não me pergunte nada mais, será pior…

Se ando invadindo os seus sonhos
e perturbando sua luz, porque assim eu quis…
Encontrei em você uma pessoa frágil e propícia
para me apoderar do seu espírito…

Eu vivo disso, deixar você sem auto-estima,
fazer você apodrecer de desespero
e acreditar que não há saída para seu problema…

Encontrei a pessoa certa pra manipular,
pessoa com a alma que desfalece
a cada raiar do dia,
eu não poderia perder essa chance…

Vou fazer você odiar a vida
e amar a doença, pois ela será melhor
do que se eu te curasse.

Acredite, a única cura que eu viria pra você
é sofrer mais um pouco
e eu teria prazer em ser seu médico.

Conto “A Última Vítima”

Leia também

Parte 1 – O aviso
Parte 2 – Meu fantoche
Parte 4 – Meia-noite
Parte 5 – A resistência
Parte 6 – Preparando a cirurgia

5 comentários sobre “A porta da tortura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.