Doença sem cura

Olha minha linda
seus olhos de menina sofrida
não me impedem de te amar

Olha garota sombria
não desisto da sua luz
que em mim ilumina

Olha guerreira
é triste ver você
perder batalhas…

Se eu pudesse lutar por você
esteja certa que morreria em combate
mas veja a maldade desse mundo
nós dois não vamos ficar juntos…

São doenças irreversíveis
quero te poupar mais sofrimento
não quero lhe condenar a morte
por sorte, você terá outro alguém

E este será eu realizando o meu sonho
quando eu partir…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.