Quem de nós dois

Você não sabe o tanto que eu preciso dizer
a massa que está entalada na minha garganta
ela precisa sair, precisa sair de mim

Não foi falta de confiança, foi momento
criança, obrigado por existir, criança
apenas obrigado, por tudo, simplesmente

Hoje eu posso falar abertamente
hoje me permito te dizer
coisas que eu não diria se
fossemos apenas amigos

Quero que saiba que esse dia me marca
não só pelo que você fala, não apenas palavras
Tudo hoje foi ajuda, conspiração que entrou em ação

Quero que sinta que segurei suas duas mãos hoje
e que ao tocá-las, olho no fundo dos seus olhos
e me sinto seguro, simplesmente, criança

Saiba acima de tudo, que nossa música
aquela que embalou as nossas conversas
só hoje entendi o sentido completo
quem de nós dois hoje não está certo
que a nossa amizade tomou o rumo correto….

——————————————————————————————————-

Esse poema eu vou marcar com uma mensagem, como poucos que fiz, porque tem um significado tão grande que apenas um poema não foi suficiente  para revelar tudo o que eu sinto….

E por mais que eu não diga seu nome nessas linhas, por vergonha, talvez, de [ainda] não revelar ao mundo tudo o que sinto por você, somente você vai entender o real significado desses versos da forma como eu queria tocar seu coração….

A você, que eu prezo e quero sempre…

Um comentário sobre “Quem de nós dois

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.