Tem sempre

É sempre a água com açúcar
o bule e o café,
é sempre o saquinho de chá
em borbulhas

É sempre a escova no cabelo
e a maquiagem na bolsa,
sempre tem um espelho
e um pouco de pó pra enfeitar a cara

Tem sempre uma unha na espinha
e o milho pra galinha
sempre carne de primeira no natal
de segunda na páscoa e nenhuma no carnaval

Sempre a coca-cola no refrigerante
e tem sempre um bom abril na pia da cozinha
é sempre a mãe com avental para preparar lanche que sacia

Tem sempre um chocolate na TV
que neste insntante eu vou abrir
fingindo que não sei quem matou a fulana na novela
que eu insisto em assistir

Ninguém sabe que a mocinha que chora
vai sempre ficar com o mocinho
tem sempre um casamento na última semana
e a vilã, apesar de derrotada, quer sempre matar o marido

Tem sempre o político sorridente
que diz, se for presidente, a coisa muda
tem sempre gente sem dente na fila do SUS
e inocente levando tiro na bunda

Tem sempre uma taxa que você paga sem saber o que é
e um programa de caridade para sensibilizar sua conduta
há sempre um aprendiz de pelé em praça pública…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.