Motivo de felicidade

Voltei a escrever poema para registrar a saudade do tempo em sonhamos juntos
Escrevo hoje para manter acesa a chama de acesso ao coração
que o tempo jamais fechará as portas para você

Voltei para dizer o quanto lhe admiro e quanto me realizo ao te ver vencer
Acredito profundamente que palavras não expressam com fidelidade as batidas acelaradas de um coração
mas aceito, com convicção, que estas mesmas palavras possam preservar o momento:

Este momento de transição, não do menino que cresce, nem do escritor que amadurece,
mas do tempo que nos rege a preservar aquilo de que abraçamos como verdade,
e quero que saiba, nessa madrugada, de algumas verdades já anunciadas com sutileza:

Somos amigos porque escolhemos o afago da bondade
Somos poetas porque aceitamos o aconchego das palavras
Somos irmãos porque aceitamos o abraço do sentimento

Mas acima de tudo

Somos transparente porque as máscaras não duram
Somos honestos com nós mesmos porque a mentira não se sustenta
Somos sinceros porque tudo que se camufla é descoberto

E eu te amo, e vou continuar te amando
Porque te quero por perto
Porque sua ausencia faz falta a mim
Porque o seu sorriso e a sua alegria me movem
Porque a vida só tem sentido quando fazemos alguém feliz

É sempre um motivo de alegria ter os seus retornos
Quando o cansaço parace me vencer
Quando tudo conspira ao pior
Quando eu pareço enlouquecer

Então você vem
com o mesmo semblante límpido
mostrando que a vida é linda
e que não há batalha longa demais
porquanto você sempre faz meu mundo renascer das cinzas…

——————————————————————————————————————

Mais uma vez a Gustavo Stresser por motivos:
Ser um amigo excepcionalmente incrível.
Ser um poeta acima de qualquer crítica.
Ser um homem cheio de bons sentimentos
E mesmo que até este recado seja um poema
Reafirmo que nem mil estrofes, nem dois mil versos
Seriam suficientes para as insuficiencias dos meus obrigados.
Você é o irmão mais novo que eu nunca tive, e que quero proteger sempre.
Começo fortalecendo primeiro a alma, para que os abalos da vida sejam pequenos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.