Fragmentos de memória

E quando eu digo que estou pronta ainda é falsa verdade
porque eu não gosto dessa palavra, a mentira,
é apenas uma inverdade.

E quando digo que tenho certeza, é falsa a afirmação,
a dúvida sempre paira em mim, não há como negar

E quando eu digo que tudo é pra sempre,
é pra sempre pra mim, pra você, talvez não

Mas mesmo sendo só em uma via, as nossas vidas
são uma só, e quando eu digo que tudo já foi melhor….

É porque nós dois atuávamos, produzíamos a paixão

Hoje só um de nós ainda insiste
e joga aos ventos esses versos frios,
soltos no ar como os meus fragmentos de memória

Um pouco da nossa história jogada no mar

Oferenda pela canção, musicalidade dos anos juntos
do tempo astuto, das notas e das danças que tropeçamos juntos…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.