Liberdade

A liberdade responsável do ser
só após muito tempo terreno eu pude ver
o que andava passeando por debaixo do meu nariz

A vida costura os erros com amor
para que tudo se resolva no bem
por maior que seja o motivo
da revolta

A liberdade responsável do ser
soube me dizer agora
que o agora de ontem
não tem mais importância

A continuidade da vida
soube projetar uma saída
para aquilo que talvez fosse
um açoite antes da partida

E agora tudo se esclarece
sem precisar sequer de prece
para me elucidar

Que toda a minha revolta
transformou-se na aurora
do dispertar sem memória
para nos fazer mudar

E a sua missão finalmente
se desvicula da minha
sem nos perturbar

Já não há motivo para remorso
e nem a mim por vingança
porque sabemos que essas duas crianças
só queriam se ajudar