Choro

Cada aula carrega um choro emocionado por dentro,
de uma lágrima que nos olhos está seca,
mas transborda na represa de um sentimento

Cada passo rumo às emoções mostra
que de fato um sonho é vivido dia após dia,
sem nenhuma orientação concreta,
senão daquela que apenas sente

E se extravasar pelos olhos da gente,
se de fato nenhuma palavra puder conter
a carga que se vende ao corpo,
nada nesse mundo vai escrever tão bem,
senão essa outra expressão da alma

O choro que se vai agora, escorrendo,
sem controle, corrente que não prende…
ora, esse choro fala mais que mil palavras,
quando se vive, e não entende

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.