Vejam

Vejam,
eu não me importo
com o que vocês pensam sobre mim,
com os julgamentos que fazem sobre mim

Vejam,
eu os escuto, sem contestar
e concordo com muitos,
mas muitos vão atravessar
os meus ouvidos, não vão escutar

Vejam,
que se eu aceitasse tudo isso que me dizem,
ah, eu não estaria aqui agora, eu já teria desistido,
teria me impedido de muita coisa, muito avanço

Vejam,
eu não posso aceitar tudo,
mas, também não vou rebater tudo,
porque eu sei do que fui capaz de fazer,
honestamente, para me colocar onde eu quis

Vejam,
que eu já sei as minhas próprias críticas,
vejam, que sou rigoroso com os pontos que preciso superar,
é por isso que muitos de vocês me falam de superação,
sujeito deficiente, sujeito da língua de meio metro,
da fala áspera, polêmica, que diz o que não querem ouvir…

Vejam,
que se eu me calo, também incomodo,
se me olho de dentro pra fora, incomodo,
se sei meu lugar no mundo, causo falta de humildade.

Vejam,
e me perdoem, que se eu escutasse o mundo todo,
o tempo inteiro, se eu fosse volátil e vulnerável,
eu não seria esse prato cheio para as suas falas,
que não veem nada,
mas, eu vejo…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.