Sem você em mim

Se eu por acaso me ausentar
e se nos seus olhos a saudade brilhar
olhe para o céu em dias de chuva

Se por acaso eu me perder
se por acaso eu precisar
eu quero contar com você

Se por acaso eu me ausentar
eu quero nos seus olhos refletir
os nossos sonhos insistir
em concretizar, jura pra mim

Que se por acaso eu desistir
eu não vou sobreviver,
eu não consigo aprender
a viver assim

Sem você em mim
eu não consigo prosseguir
eu não consigo ressurgir
eu preciso de você aqui

E se por acaso eu me perder
se por acaso eu não voltar
quero que você não desista

Se eu permanecer
se um dia eu não te ver
saiba que é em você
somente em você
que penso….

—————————————————————-

Para a minha eterna amiga, Veríssima, que se transformou em poema, e nas rimas, também é a mais linda das mulheres.

2 comentários sobre “Sem você em mim

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.