Terapia

Não escrevo aos outros, atinjo-os
Escrevo a mim, e para mim
Escrevo para me fazer lembrar dos pensamentos que tive,
dos amores que pensei que tivesse, e das pessoas que pensei que amasse;

Escrevo por terapia, sim
terapia das palavras, digo

Não é fácil ser romântico,
No coração apenas não cabe
E não é fácil a arte,
quando a revolta arde, e não cabe consciência

Terapia para a alma, para a minha…
Não sou de todo egoísta, se você me ler
se fosse egoísta mesmo já teria enlouquecido dentro do meu ser

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.