Não sou nenhum produto

Eu não sou medido em gráficos,
não sou nenhuma estatística,
não é possível que rotulem
uma pessoa de zero  a dez
ou a desafiem para o jogo da verdade
pois tudo o que eu faço,
é claro, tem sua conseqüência
mas não cabe a ninguém me julgar,
não dou o direito de me dizer
que sou apenas de um jeito:
perfeito e grosseiro,
amigo e desonesto,
sincero e hipócrita,
companheiro ou idiota…

Meus gráficos são tortos e complexos,
minhas planinhas fora de ordem e desconexas,
minhas estatísticas, fora do comum…

Mas sei que não sou mais um
nesse mundo onde se rotula tudo,
onde se manipula tudo
e se justifica tudo…

Sou produto de validade vencida
que não pode ser consumido,
sou totalmente contra essa vida
de se tornar só o que dizem que sou…

2 comentários sobre “Não sou nenhum produto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.