Rabisco de ser poeta

Se sujar na poesia
é uma maneira que não me sacia jamais
eu procuro método eficaz de me libertar dos versos
mas por mais que haja protesto, o poema não quer me deixar
são linhas, curvilinhas, andorinhas a voar
na madrugada, ou de manhazinha
eu quero sonhar
nem que for acordado, isonia minha,
não me deixa esquecer
que na loucura de ser poeta
mesmo que não reste outra opção
eu quero viver

——————————————————————————

Aos amigos da comunidade The Sims Brasil na rede social Orkut, pela madrugada cultural ao qual me rendeu este poema tão natural de ser eu mesmo….
Saudações carinhosas para Claudia Bia, Leonardo (Dj), Alex Abreu e João Victor pela inspiração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.