Luz

Eu espero que você me ache
nessas turbulências sentimentais,
eu espero que você me encontre
quando eu mesmo já me perdi

Já não sei mais o que eu quero,
eu espero… que você me mostre…
Direção, encontra a minha mão,
agora;

Já não sei quando estou bem,
qual é o meu desejo e o meu ideal.
Já perdi todos os parâmetros do que é normal

Luz

Mostra o caminho certo
ou o mais ou menos,
me leva pra estrada
que eu já não sei demais nada,
já não sei de nada mais

Só que encontrei você…
De repente, um presente…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.