Um golpe do coração

Hipocrisia sua
mentira,
falsidade,
fingimento teu.

Eu sou quem paga pelos seus atos,
fui eu quem caiu na sua armadilha.
Pego pela emboscada da paixão,
preso na armadilha do coração.
E você tão fingida,
tão falsa,
tão hipócrita!

Mas eu sai da hipnose,
fugi do transe de te ter,
dei um jeito de escapar de você.

Simplesmente acordei do pesadelo de tê-la ao meu lado.
Hoje estou livre de todas as armadilhas suas,
escapei das suas garras.
Nem sei como fui parar pra te olhar;feiticeira.
Escapei do pesadelo e não pretendo mais voltar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.