Tempos de outros

Já te quis, não te quero
Sou sincero, quando vivi
e amei, verdadeiro;

Hoje mudei, gosto,
mas não amo;
Estou brincando:

O fato pretérito
não se estende ao presente,
vê se entende

O sentimento também muda,
somos outras criaturas
nos conhecendo novamente

Prazer, amigo 🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.