Sinceramente…

Eu juro, não queria.
Nem sabia que você existia,
nem seu nome eu reconhecia.

Mas quando em você eu esbarrei,
naquele dia eu reparei,
que era tolo mandar no coração
foi tamanha a emoção…

Mas como somos amigos
e fomos nos aproximando
eu precisava dizer a verdade
mesmo que isso a desrespeitasse.

Fui sincero em nome da amizade,
é por você que meu coração bate,
é essa a minha realidade.

Se você não quiser me aceitar, entendo…

Desculpe, precisava contar,
tinha que falar,
isso já estava me corroendo…

Um comentário sobre “Sinceramente…

  1. O poema categorizado como Amizade deveria estar também incluso na categoria amor…

    É um reflexo de algo que acontece muito em amizades homem x mulher… Muitas vezes, há uma confusão de sentimentos, muitas vezes não… O amor é algo que brilha muito forte…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.