Ao sair da escola

Ao sair da escola, deixo o cenário do conhecimento
abro mão de que minhas potencialidades sejam descobertas;
De fato, ao sair da escola, deixo de lado um tesouro,
um saber que vai além das letras e contas, e das ciências;

Ao sair da escola, abro mão de minha inteligência
para entrar em um estado parasital de longo prazo,
matando em cada passo sem orientação de um sábio,
centenas de milhares de ideias e ideais para o futuro

Mas confesso, ao ficar nas escolas, principalmente,
tratando-se mais claramente das de ensino básico,
percebo o quanto é desestimulante e caótico
tentar entender como aquilo me poderá ser útil
de uma forma tão maçante

E não hesito em dizer nem por um instante
que por mais contraditório que isso pareça ser,
entre leões de crianças sem sentido, ainda que,
o ambiente da sala de aula seja um pandemônio,
ainda nos resta esperança de exorcizar o demônio
da ignorância, ainda que com grandes desafios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.